foto1 (1).jpg
Foto: Divulgação

Comissão de agricultura aprova audiência pública para debater a situação econômica dos pescadores atingidos pela invasão das palometas

A Comissão de Agricultura, Pecuária, Pesca e Cooperativismo da Assembleia Legislativa aprovou, por unanimidade dos presentes, durante a sua reunião ordinária, por videoconferência, da manhã desta quinta-feira (17),  a proposição do seu Presidente, Deputado Adolfo Brito, para realização de Audiência Pública, que irá debater “A situação econômica dos pescadores/ trabalhadores do setor pesqueiro atingidos pelo fenômeno da invasão das palometas no Rio Jacuí”

“Já realizamos outro encontro, anteriormente, para tratar especificamente sobre a situação da invasão das palometas no Jacuí e em outros rios”, informou. “Agora, nossa preocupação, é com dezenas e dezenas de pescadores, que estão sem renda e com muitas dificuldades para manterem suas famílias”, explicou Adolfo Brito. 

“Temos recebido relatos de autoridades e também de lideranças do setor pesqueiro, principalmente dos municípios de Salto do Jacuí, Pinhal Grande, Nova Palma, Dona Francisca, Agudo, Paraíso do Sul, Cachoeira do Sul, Rio Pardo, Vale Verde e General Câmara entre outros, com a situação econômica-financeira dos pescadores”, disse o Presidente da Comissão de Agricultura.

Já no espaço dos Assuntos Gerais, o deputado Brito, transmitiu, em nome da Comissão, elogios à Secretaria da Agricultura que, em conjunto com o Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento, está realizando estudo em mais de 400 propriedades rurais para analisar a biosseguridade do gado bovino no Estado.

O Deputado Elton Weber, por sua vez, solicitou a atenção da Secretaria da Agricultura, para realização de ações conjuntas com o Governo do Uruguai, que realiza estudos para procriação de predador natural aos insetos que causam doenças aos rebanhos.

Informações: Gabinete Deputado Adolfo Brito

Comentários



Ao continuar navegando em nosso site, você concorda com a nossa Política de Privacidade e com os nossos Termos de Serviço