Câmara (34).jpeg
Foto: Assessoria do Deputado Márcio Biolchi.

Biolchi indica mais de R$ 8 milhões em emendas para 39 municípios

O deputado Márcio Biolchi (MDB) indicou R$ 8,3 milhões em emendas para 39 municípios gaúchos. Os recursos deverão ser aplicados na área da saúde e destinados ao custeio e estruturação da rede de atenção básica e na assistência hospitalar e ambulatorial. Ao todo, 18 regiões devem ser contempladas pelo parlamentar com recursos do governo federal.

“A defesa da saúde é uma bandeira que carrego por toda minha vida pública. Mais ainda, agora, diante das dificuldades financeiras que assolam as cidades gaúchas. Tenho certeza que esses recursos poderão contribuir para a melhoria da estrutura dos hospitais e da rede básica de saúde dos municípios”, salientou Biolchi.

Restinga Sêca recebeu R$ 400 mil. São R$ 200 mil para custeio e R$ 200 mil para estruturação de atenção especializada.

Os valores encaminhados na última semana se somam aos R$ 36 milhões destinados à saúde de municípios gaúchos entre 2015 e 2019.

Confira os municípios e os valores indicados:

Barra do Guarita – Celeiro – R$ 100 mil

Barros Cassal – Alto da Serra do Botucaraí – R$ 100 mil

Campinas do Sul – Norte – R$ 250 mil

Carazinho – Produção – R$ 1 milhão (estruturação de atenção especializada)

Cruz Alta – Alto Jacuí – R$ 400 mil (estruturação da rede de atenção básica em saúde)

Encantado – Vale do Taquari – R$ 200 mil

Farroupilha – Serra – R$ 500 mil (assistência hospitalar e ambulatorial)

Flores da Cunha – Serra – R$ 50 mil

Garibaldi – Serra – R$ 1 milhão

Ilópolis – Vale do Taquari – R$ 40 mil

Imbé – Litoral – R$ 150 mil

Machadinho – Nordeste – R$ 50 mil

Mato Castelhano – Produção – R$ 110 mil

Monte Belo do Sul – Serra – R$ 100 mil

Montenegro – Vale do Caí – R$ 100 mil

Muçum – Vale do Taquari – R$ 50 mil

Paraíso do Sul – Centro – R$ 100 mil

Progresso – Vale do Taquari – R$ 80 mil (assistência hospitalar e ambulatorial)

Protásio Alves – Serra – R$ 200 mil

Quatro Irmãos – Norte – R$ 150 mil

Restinga Sêca – Centro – R$ 400 mil (R$ 200 mil para custeio e R$ 200 mil para estruturação de atenção especializada)

Rio Pardo – Vale do Rio Pardo – R$ 200 mil

Salvador do Sul – Vale do Caí – R$ 100 mil

Santa Cruz do Sul – Vale do Rio Pardo – R$ 250 mil (assistência hospitalar e ambulatorial)

Santo Ângelo – Missões – R$ 300 mil

São José do Sul – Vale do Caí – R$ 50 mil

São Valentim – Norte – R$ 100 mil

Sarandi – Rio da Várzea – R$ 100 mil

Sede Nova – Celeiro – R$ 100 mil

Sertão – Norte – R$ 150 mil

Severiano de Almeida – Norte – R$ 100 mil

Sinimbu – Vale do Rio Pardo – R$ 100 mil (assistência hospitalar e ambulatorial)

Tapejara – Nordeste – R$ 600 mil

Tapera – Alto Jacuí – R$ 100 mil

Torres – Litoral – R$ 100 mil (assistência hospitalar e ambulatorial)

Tucunduva – Fronteira Noroeste – R$ 100 mil

Veranópolis – Serra – R$ 500 mil

Vila Lângaro – Nordeste – R$ 200 mil

Informações: Assessoria do Deputado Márcio Biolchi.

IDENTIFIQUE-SE E LEIA A NOTÍCIA COMPLETA!


Já é assinante?

ENTRE AQUI

Não sou assinante

Assinar

Comentários



Ao continuar navegando em nosso site, você concorda com a nossa Política de Privacidade e com os nossos Termos de Serviço